Posts com Tag ‘HistóriaHD’

“Há alguns anos, uma garota pilotando uma motocicleta chamaria muita atenção, mas hoje nós as vemos andando pela estrada e operando seus motores da forma de como deveria ser. Temos clubes hoje compostos inteiramente de mulheres; elas apreciam totalmente esse grande esporte” – The Motorcyclist, junho de 1940.
As mulheres têm pilotado motocicletas Harley-Davidson desde os primeiros dias do esporte. Buscando independência e motivadas pelo desejo de fazer algo novo e empolgante, as mulheres motociclistas pegaram a estrada e não olharam para trás.
Desde os anos 80, o número de mulheres no motociclismo tem aumentado enormemente. Existem mais clubes do que nunca, organizando eventos e criando rede de amizade. As motociclistas continuam a encontrar inspiração em suas motocicletas, na estrada aberta e nas outras motociclistas.
O Harley-Davidson Museum celebra as motociclistas, com a exposição de duas motocicletas exclusivas que foram de propriedade e pilotadas por entusiastas da marca, bem como roupas e outros itens dignos de lembrança que ajudam a contar a história das mulheres sobre motos.

3

6

2

 

A partir de 1906 e até 1907, com vários melhoramentos no motor, troca de carburador e com a utilização de um sistema de mola dupla na suspensão dianteira, a produção atingiu a marca de 200 unidades no período.
Devido ao fato das motos saírem da fabrica pintadas da cor cinza (única cor oferecida a partir de 1910), as motos Harley – Davidson ganharam o apelido de “Silent Grey Fellow”.

Primeira Harley

A primeira motocicleta foi fabricada pelos dois jovens, que na época tinham menos que 25 anos, William S. Harley e seu amigo de infância Artur Davidson em Milwakee 1903.
Neste modelo, as únicas suspensões eram as molas do selim, foram fabricadas 38 motocicletas entre 1903 e 1905.